Biografia de Frida Kahlo

Frida Kahlo foi uma grande pintora mexicana, atualmente a sua obra e imagem estão sendo muito discutidas, principalmente em relação a ascensão do movimento feminista.

Biografia Resumida de Frida Kahlo

O nome verdadeiro de Frida Kahlo é Magdalena Carmen Frida Kahlo y Carlderón, ela nasceu na cidade de Coyoacán no México no dia 6 de julho de 1907. Ela é filha de mãe espanhola e pai alemão, ela teve três irmãs.

Frida era uma mulher totalmente fora do contexto da época em que viveu, pois ela era bem ousada e a tradução da sua tristeza em suas obras atualmente é uma fonte de inspiração para muitas pessoas.

Frida sempre teve a sua saúde comprometida, quando era criança ela lutou contra a doença poliomielite, e quando tinha 18 anos sofreu um acidente de ônibus, além disso ela já internou várias vezes e fez muitas cirurgias.

Frida começou a pintar quando era adulta, logo depois de ter sofrido o acidente e ficar muitos anos em uma cama. Quando adolescente ela passou a ter uma opinião política forte, com vertente comunista, acontecimento que pode ter sido por causa da sua influência na família.

No ano de 1928 Frida se filiou oficialmente ao Partido Comunista Mexicano, e nesse meio ela conheceu o artista mexicano Diego Rivera, e no ano seguinte os dois se casaram, e talvez por influência dele as suas obras começaram a ganhar mais notoriedade

Frida teve um relacionamento bem conturbado com o seu marido, pois era cheio de traições das duas partes, ela era bissexual. No ano de 1939 Frida e Revira largaram pois Frida descobriu que ele tinha um caso com Cristina Kahlo, a sua irmã mais nova.

Frida já engravidou algumas vezes, só que nunca teve filhos, pois todas as suas gravidez era comprometida pelo fato dela ter várias sequelas do acidente que sofreu. Depois de um ano separada do seu ex marido, os dois se reencontraram e se casaram de novo, e o relacionamento continuou perturbado como na primeira vez.

Biografia de Frida Kahlo

Passatempos

Enquanto estava debilitada na sua cama por causa do acidente, ela usava uma estrutura de gesso, e o seu passatempo preferido era desenhar imagens em seu gesso. Com o tempo, o espaço que tinha no seu gesso ficou pequeno, e foi então que o seu pai comprou para ela um cavalete adaptado à sua cama, e foi assim que Frida começou a pintar oficialmente.

Feminismo

Frida Kahlo deu aulas de artes na Escola Nacional de Pintura e Escultura, no México. Ela foi defensora dos direitos das mulheres, e se tornou um símbolo do feminismo. No ano de 1953 Frida teve uma das suas pernas amputada na altura do joelho por causa de uma gangrena.

Obras

Abaixo vamos citar algumas das obras da pintora:

  • Autorretrato com Um Vestido de Veludo – 1926
  • Retrato de Minha Irmã Cristina – 1928
  • As Duas Fridas – 1939
  • A Coluna Partida – 1944
  • Viva a Vida – 1954

Morte

Frida faleceu no ano de 1954 quando tinha 47 anos de idade, na cidade que ela nasceu, por causa de uma embolia pulmonar, que foi causada por uma forte pneumonia.

Museu

Frida viveu os últimos anos da sua vida deprimida na Casa Azul no México, e em 1958 a Casa Azul passou a ser um museu em homenagem a Frida Kahlo, também chamado agora de Museu Frida Kahlo.

Leave a Reply